Governador Pedro Taques vistoria obras do Pronto-Socorro de Cuiabá


O hospital está com mais de 70% das obras prontas e terá 315 leitos.

POLÍTICA Publicada: 12/04/2018 07:26:31 Autor: Assessoria
Foto: Assessoria
Taques visito novo PS Cuiaba.

 
 
O governador Pedro Taques vistoriou nesta quarta-feira (11.04), junto com os parlamentares de Cuiabá, as obras do novo Hospital e Pronto-socorro da capital. A visita aconteceu a pedido dos representantes da Câmara municipal, durante encontro no Palácio Paiaguás, no dia 6 de abril, para discutir saúde pública.
 
O governo do Estado assumiu o compromisso de fazer um convênio com a prefeitura de Cuiabá para equipar o hospital, sendo que o processo licitatório ficará por conta do órgão municipal e o executivo estadual passará o dinheiro conforme os cronogramas organizados. Os valores ainda estão sendo analisados pela Casa Civil e secretarias de Estado de Gestão e de Saúde, embasado no levantamento de equipamentos necessários.
 
Após a vistoria, Taques declarou que o hospital está com mais de 70% das obras prontas e terá 315 leitos. “Resta os equipamentos, os móveis e o acabamento. O forro já entra na semana que vem e depois o piso, que é o último que se coloca. O pronto-socorro fica na capital mas vai atender a todos os mato-grossenses. Quase 45% do atendimento será de pacientes do interior”.   
 
O vereador Renivaldo Nascimento ressaltou que o pronto-socorro irá transformar a vida dos mato-grossenses.  “Nós fizemos o pedido para vir ao hospital e ver como estavam as obras e constatamos que é uma realidade que com certeza estará a disposição da população cuiabana ainda este ano”.
 
O governador agradeceu a presença dos vereadores e os convidou para uma visita ao Centro de Reabilitação Integral Dom Aquino Corrêa (Cridac),  que será inaugurado no primeiro semestre e irá atender 4 mil pacientes por mês. “Vereador é aquele que está na frente, recebe demanda e vem cobrar, o que é legítimo”.
 
Taques também agradeceu  a bancada federal, deputados e senadores, que destinaram R$100 milhões de emendas para a saúde pública de Mato Grosso.
 
 

Galeria de Fotos

Publicidade

Comentários

Comente está notícia: