Vereador Ferrinho e Ademar Jajáh trocam “farpas” na tribuna da casa de leis.


Apenas uzei a tribuna para explicar que como vereador estou sempre lutando pelo bairro Jardim Icarai, fiquei surpreso com a reação do ver. Jajah.

VEREADORES Publicada: 09/08/2017 21:43:18 Atualizado: 09/08/2017 21:54:14 Autor: Eraldo Mendes DRT 1285
Foto: Divulgação
Camara VG.

O vereador Claido Celestino Batista, popular Ferrinho (PTdoB), e o vereador Ademar Jajáh (PSDB), usaram a tribuna da casa de leis em defesa dos moradores do bairro jardim Icaraí, e foi mal interpretado entre-si, o episódio ocorreu na noite desta quarta feira 09/08, durante a seção ordinária da Câmara dos vereadores.
 
Ademar Jajáh, de posse de um abaixo assinado e com a presença de aproximadamente 15 pessoas representantes do bairro Jardim Icaraí, que segundo ele, os procurou em seu gabinete para interceder nas obras do ‘PAC’, que esta sendo realizado no bairro.
“fui procurado pelos moradores, e eu exijo que as obras do PAC contemplem os quarenta metros de uma rua e beneficie aquelas famílias, eles também pagam impostos, e eu vou até o fim em busca de uma solução”, alfinetou o parlamentar.
 
Por sua vez, Ferrinho usou a tribuna da casa de leis na tentativa de explicar ao colega de parlamento, que esta reivindicação já tinha chegado ate o a sua pessoa, e na tribuna da casa de leis destacou. “Quero comunicar que esta solicitação já foi encaminhada para o secretario de assuntos estratégicos, Jaime Campos, a prefeita Lucimar Campos e ao ser Terezo e estamos aguardando uma posição”, disse Ferrinho.  
 
O parlamentar também destacou que mora em Várzea Grande desde 1964, e sempre lutou pelo bairro Jardim Icaraí, e nunca iria abandonar este bairro. 
Inconformado Ademar Jajah voltou a Tribuna fez vários desafios para Ferrinho, que preferiu não rebater, o colega de partido do Ferrinho, Gordo do Goiano disse para nossa reportagem que conversou com Jajah, para diminuir os ataques, pois Ferrinho apenas deu explicação, não fendeu ninguém.
 
Para a reportagem do jornal, folhadacidademt.com.br. Jajáh disse, “Ferrinho quis me chamar de mentiroso”.  Já Ferrinho se defende.  “Ele, se referindo ao Jajáh, quando foi fazer uma matéria no seu bairro sobre um Centro comunitário, o mesmo não me deixou falar”, disse. O parlamentar reafirma. “Nunca tive nada com ele e com nenhum colega da câmara.
 

Comentários

Comente está notícia:

Entrar na Rede SBC Brasil