Fundado aos 11 de setembro de 1990 pelo CEO jornalista Eraldo Mendes

Cidadão Repórter

65992683333
Várzea Grande(DF), Sexta-Feira, 27 de Maio de 2022 - 00:48
11/05/2022 as 06:43 | Por Da Redação |
Assistência Social de Várzea Grande fará mutirão para entrega dos cartões.
A equipe do Programa de Proteção Básica.
Fotografo: Divulgação.
Ação Social.

Garantir o acesso das famílias consideradas em risco de vulnerabilidade social tem unido o Governo de Mato Grosso e a Prefeitura de Várzea Grande, nos repasses de recursos do Programa ‘SER FAMÍLIA EMERGENCIAL’.

“Temos redobrado os cuidados com aquelas pessoas e famílias que vivem em risco, ainda mais com a inflação alta e os constantes aumentos nos gêneros alimentícios e nas tarifas de serviços essenciais como energia elétrica, água, combustíveis entre outros”, disse o prefeito Kalil Baracat, logo após a solenidade de entrega de mais de 1.500 títulos definitivos de propriedade feitas pelo governador Mauro Mendes e pelo próprio prefeito.

Kalil enalteceu os esforços do Governo do Estado na área social sob o comando da primeira-dama, Virginia Mendes, com suporte da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania que tem atuado em comum acordo com a primeira-dama de Várzea Grande, Kika Dorilêo Baracat e com a Assistência Social da segunda maior cidade de Mato Grosso, para que o atendimento realizado, às famílias em risco de vulnerabilidade social, seja mais efetiva e resolutiva.

A Secretaria de Assistência Social de Várzea Grande recebeu, no último dia 09 de maio, os novos cartões do Programa ‘Ser Família Emergencial’ que serão distribuídos às famílias cadastradas. A entrega dos novos cartões começa a ser realizada no dia 13 de maio, próxima sexta-feira, a partir das 8 horas, na sede da Secretaria Municipal de Assistência Social para as pessoas com o nome iniciado com a letra A.

Nos dias 16 a 18 todos os demais receberão seus cartões, das 8h às 17 horas, no Centro Pastoral Padre Aldacir Carniel – CEPAC, localizado na região central da cidade. O município recebeu mais de 8 mil cartões.

A titular da pasta, Ana Cristina Vieira, disse que a Secretaria de Assistência Social segue nesta semana com uma extensa programação de entrega de outros benefícios sociais como cestas básicas e filtros de barro a diversas localidades, entrega estas já agendadas, e que também conta com a parceria do Governo do Estado.

Ana Cristina informou ainda que o município de Várzea Grande recebeu 8 mil cartões do Programa Ser Família Emergencial, e que as famílias beneficiadas com a transferências de renda, irão receber o valor de forma retroativa.
Ela frisou ainda que existe toda uma logística para a distribuição e um cuidado especial para fazer chegar aos detentores do direito, os recursos do ‘SER FAMÍLIA EMERGENCIAL’.

A troca dos cartões se deve em função do Governo do Estado de Mato Grosso romper o contrato com a empresa Eovale (Meovale) em seguida, abrir uma nova licitação de forma emergencial, para não prejudicar as famílias que dependem do auxílio. Segundo o Governo, o rompimento ocorreu após o Estado repassar recursos a empresa que não repassou aos beneficiários.

A coordenadora do Programa de Proteção Básica de Várzea Grande, Bernadete Miranda alertou para a necessidade de o beneficiário apresentar os seus documentos pessoais, para o recebimento do cartão. “Esses documentos serão exigidos por isso é preciso que o beneficiário certifique toda a documentação antes de se dirigir ao CEPAC”, completou.

O prefeito Kalil Baracat sinalizou que obras valorizam a cidade de Várzea Grande e seus imóveis, além de gerar emprego e renda e movimentar a economia, “mas elas (as obras), devem vir acompanhadas de ações sociais que permitam as pessoas, as famílias serem contempladas com alimentação de qualidade e uma vida mais digna, por isso, benefícios sociais são fundamentais para se ter uma população atendida em seus anseios”, concluiu.

Kalil Baracat lembrou ainda que Várzea Grande tem dado exemplo de resolutividade para o Governo do Estado, seja em obras ou ações como o ‘SER FAMÍLIA EMERGENCIAL’ e agradeceu pelo tratamento dispensado pelo governador Mauro Mendes e pela primeira-dama, Virgínia Mendes, através da estrutura do Estado, para com Várzea Grande e sua gente.

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil